PORTALEGRE: MESA-REDONDA SOBRE “O CINECLUBE EM PORTALEGRE” E FILME “A PALAVRA”, DE CARL T. DREYER

PORTALEGRE: MESA-REDONDA SOBRE “O CINECLUBE EM PORTALEGRE” E FILME “A PALAVRA”, DE CARL T. DREYER

28 de Novembro de 2019, 15:09h 0 Por Redação

A Câmara Municipal de Portalegre e a Casa-Museu José Régio organizam, em dezembro, mais dois eventos no âmbito da evocação do cinquentenário da morte do Poeta José Régio: no dia 2 de dezembro, pelas 17.30h, decorrerá na Casa-Museu José Régio a mesa redonda “O Cineclube em Portalegre“, tendo como convidados Florindo Madeira, José Bizarro, Fernando do Rosário, Francisco Pacheco e Raul Ladeira, com moderação de Gaspar Garção.

 No dia 3 de dezembro, pelas 21.30h, no Centro de Artes do Espectáculo de Portalegre, será projetado, em mais uma sessão do Ciclo “José Régio e o Cinema”, o filme “Ordet/A Palavra”, de Carl Theodor Dreyer (1955), com introdução e comentários de Luis Vintém.

Durante toda a sua vida, José Régio foi devoto cinéfilo: através da expressão crítica em jornais e revistas (exemplo da Presença), analisou o cinema mudo (que, equiparado ao teatro ou à poesia, como sublime forma de arte, julgava incapaz de desaparecer com o sonoro…), focando grandes realizadores/atores e mesmo o panorama nacional que vivia a sua época de ouro, com Leitão de Barros, Chianca de Garcia, entre outros.

Amigo pessoal de Manoel de Oliveira, colaborou com ele em registos como “Acto de Primavera” – chegou a confessar que ele próprio gostaria de realizar um filme, partilhando tais desejos com outros da sua geração, como Branquinho da Fonseca e Ernesto de Oliveira.

Mas para haver cinema é necessário criar público. Para tal defendia a divulgação e projeção, em pequenas cidades, através de cineclubes – como o fez em Portalegre e Estremoz.