09/12/2021

TV Guadiana

Alentejo em Direto

ELVAS: MISSA SOLENE DE HOMENAGEM AOS MÁRTIRES DO BRASIL COM TRANSMISSÃO EM DIRETO NA TV GUADIANA

Realizam-se a partir de 13  de Julho na Igreja de S. Domingos em Elvas, as Celebrações Religiosas  da Festa dos Mártires do Brasil que terminará  com a celebração da Santa Missa, e uma oração de intercessão junto  do altar dos Mártires, no dia 16 pelas 17h00 que terá transmissão em direto na TV guadiana (www.tvguadiana.net e Meo Kanal 972748).
 
Álvaro Mendes e Aleixo delgado, foram dois mártires Elvenses, de entre  40 jovens jesuítas ( 32 portugueses e 8 espanhóis),   que se dirigiam de barco para o Brasil, a fim de ajudar na sua evangelização, chefiados  pelo Padre Inácio Azevedo. 
 
 À data de 15 Julho  de 1570, junto às ilhas Canárias, foram interceptados por um navio de protestantes calvinistas que, sabendo que eles eram missionários católicos, os assaltaram, e deitaram ao mar, muitos depois de mortos, outros ainda vivos, alguns com greves ferimentos.
 
Dos 40 mártires, 11 eram  alentejanos, 1 natural da Diocese de Portalegre e Castelo Branco e 10 naturais da Arquidiocese de Évora, dos quais faziam parte dois Elvas; Álvaro Mendes e Aleixo Delgado.
 
Beato Álvaro Mendes, irmão, estudante
   Nasceu em Elvas por volta de 1551. O seu nome era Álvaro Borralho, mas os Jesuítas trocaram-no por Mendes. Tinha uma excelente e belíssima voz e era dos que cantava a três vozes, o que tanto apreciava o Padre Inácio Azevedo. Era uma pessoa delicada de estômago e nunca se acostumou ao movimento do mar. Sem nenhum alívio nem melhoria alguma “Álvaro esteve toda a viagem tão doente e tão mareado que estava quase sempre na cama”. No dia do ataque calvinista, Álvaro estava muito doente e com tonturas no seu camarote. Igualmente, o irmão Gregório. E ambos se levantaram como podiam, colocaram a sotaina jesuíta e correram a juntar-se aos seus irmãos, com eles trabalharam na bomba que tirava água do barco. Com eles foi despido e maltratado, até serem finalmente deitados vivos ao mar. Teria 19 anos de idade.
 
Segundo a tradição que diz que viveu (e nasceu) na Rua do Padrão, mas não se sabe em que casa ou lugar. A sua imagem é venerada na igreja de São Domingos desde 17 de Julho de 1947, é Patrono do Agrupamento 158 de Escuteiros de Elvas e Protector dos Estudantes elvenses.
 
Beato Aleixo Delgado, irmão, estudante.
   Nasceu em Elvas, no ano de 1555. Servia de guia a seu pai, que era cego. Conseguiu ser colocado no Colégio dos Porcionistas (ou “Convictores”), onde servia e estudava ao mesmo tempo. E aí, “foi em pouco tempo crescendo em virtudes e no estudo das letras”. Encontrando lá um dia o Padre Jorge Serrão, jesuíta, o bom menino “rogou muito que o admitisse na Companhia”. Perguntou-lhe o Padre “para que queria ser da Companhia?” Respondeu que “o movia a isso o muito que desejava ser Mártir”! Passando por Évora, o Padre Inácio de Azevedo satisfez-lhe o pedido, apesar de ele ter apenas 14 anos. Mas “mostrou sempre espírito maior que a sua idade… ” Cantava muito bem e era especialista em recitar o catecismo cantado. Durante a tormenta, três ou quatro dos assaltantes “tomaram ao irmão Aleixo, vendo-o pequeno, que não teria mais de 14 ou 15 anos, e arrebataram-no entre as mãos e começaram a dar-lhe mais punhaladas…”. Foi lançado vivo ao mar. 
 Foi martirizado com apenas 15 anos de idade, era o mais novo do grupo. A sua imagem é venerada na igreja de São Domingos desde 21 de Julho de 2012, é Patrono dos grupos corais litúrgicos das Paróquias de Elvas.
 
 
Programa
 
Tríduo Preparatório
 
13 de Julho, Quarta feira
19.15 h – Santa Missa pelos Cristãos perseguidos.
 
14 de Julho, Quinta feira.
19,15 – recitação do Rosário com exposição do Santíssimo Sacramento.
 
15 de Julho, Sexta feira.
19,15 h – Oração de Vésperas com exposição do Santíssimo Sacramento.
 
 
Festa dos Mártires do Brasil
 
16 de Julho, Sábado.
12.00 h – Toque solene dos sinos de todas as igrejas da cidade assinalando o martírio dos 40 Mártires do Brasil.
 
17.00 h – Santa Missa da Festa dos Mártires do Brasil com transmissão em directo pela TV-Guadiana. No final da celebração, haverá junto do altar dos Mártires uma oração de intercessão.
 
Organização:
Fraternidade Leiga de São Domingos de Elvas

Deixe uma resposta

Facebook
Twitter
YouTube
Instagram