22 de Junho 2024

TV Guadiana

Alentejo em Direto

MILHARES DE PALAVRAS: A ARTE DAS LETRAS DE TIM

MILHARES DE PALAVRAS: A ARTE DAS LETRAS DE TIM
Milhares de Palavras: Coletânea de Letras do Lendário Cantor e Compositor Português Tim

Milhares de Palavras, a nova coletânea de letras do lendário cantor e compositor português Tim, será lançada nas livrarias a 13 de junho. A apresentação oficial terá lugar na Feira do Livro de Lisboa, no dia 14 de junho, às 20h.

Apresentação na Feira do Livro de Lisboa

Tim, reconhecido pelo seu contributo significativo na música portuguesa, especialmente como membro dos Xutos & Pontapés, partilhou a responsabilidade de escrever letras e títulos das canções da banda com Zé Pedro. Esta coletânea, editada por Jorge Pereirinha Pires, celebra quase 50 anos de carreira e reúne mais de 150 letras de canções.

Uma Carreira Repleta de Sucessos

Ao longo da sua carreira, Tim gravou mais de três dezenas de CDs e DVDs. Participou em diversos projetos musicais como Resistência, Rio Grande, Tais Quais e Cabeças no Ar, além de vários álbuns a solo e colaborações com outros artistas. Em 2004, foi agraciado com o grau de Comendador da Ordem de Mérito.

Uma Conversa com Tim e Jorge Pereirinha Pires

A apresentação de Milhares de Palavras na Feira do Livro de Lisboa incluirá uma conversa entre Tim e Jorge Pereirinha Pires, onde serão discutidas as várias fases da carreira de Tim e o processo de escrita das suas letras. Durante o evento, serão também interpretados alguns temas do cantor.

O Estilo Único de Tim

A simplicidade e o poder sugestivo das letras de Tim são destacados por vários artistas. Jorge Palma elogia a capacidade de síntese e as metáforas de Tim, enquanto Carlos Tê observa a forma como as suas palavras ressoam nas desolações urbanas e suburbanas. Teresa Salgueiro destaca a honestidade e emoção presentes nas letras de Tim, que têm a capacidade de tocar os corações do público.

A Trajetória de Tim

Nascido em Ferreira do Alentejo, Tim licenciou-se no Instituto Superior de Agronomia da Universidade Técnica de Lisboa. Em 1978, conheceu Zé Leonel e foi convidado a juntar-se aos Xutos & Pontapés, dando início a uma carreira recheada de sucessos e colaborações com outros artistas.

Skip to content